Artigos

Voltar

Desafios e considerações sobre cannabis medicinal e cânhamo industrial

Desafios e considerações sobre cannabis medicinal e cânhamo industrial

O cânhamo industrial e a cannabis medicinal podem se converter, em muito breve, num grande salto para transformar a economia e a medicina no Brasil gerando emprego, renda, além de uma gama infindável de produtos.

 

Sobre a indústria do cânhamo nos debruçaremos num artigo futuro a ser publicado neste espaço. Vamos começar pelo item que promete – e já vem cumprindo – importantes avanços na medicina: a cannabis medicinal.

Essa indústria já está consolidada em muitos países do mundo, especialmente em países como Estados Unidos, Portugal, Espanha, China, Austrália, entre outros.

Lá fora, os medicamentos produzidos à partir da planta cannabis, já se converteram numa importante alternativa considerada entre profissionais da saúde para amenizar quadros de dores crônicas dos seus pacientes.

Os medicamentos derivados da cannabis são receitados no combate aos desconfortos sofridos decorrente das sessões de quimioterapia ou radioterapia, proporcionando qualidade de vida a esses pacientes. O óleo extraído da cannabis também é usado no tratamento de dores crônicas refratárias e quadros como a fibromialgia.

Pesquisas apontam que a cannabis medicinal também produz boa reação em portadores de Transtorno do Espectro Autista (Autismo) e diminui consideravelmente a chance de espasmos regulares em pacientes que sofrem de convulsões (epilepsia). As aplicações também emprestam maior qualidade de vida a esses pacientes.

Além dos grupos acima, pacientes portadores de doenças neurodegenerativas como Mal de Alzheimer e Mal de Parkinson também têm mostrado evolução graças à cannabis medicinal.

Atenta a esse movimento, a indústria farmacêutica vem investindo na produção desses medicamentos e já conta, no Exterior, com uma variada opção de medicamentos produzidos a partir da cannabis.

Cuidado para não confundir: a cannabis medicinal não possui níveis de tetrahidrocanabinol (THC) – a substância com propriedades alucinógenas – suficiente para gerar efeitos não desejados aos pacientes. O THC ali contido é controlado na fase final de produção e garante conforto e menos dor para os pacientes (efeito entourage)

No Brasil, infelizmente, o avanço da cannabis medicinal encontra barreiras políticas, culturais, sociais e legislativas para se tornar uma realidade. No próximo artigo vamos aprofundar essa discussão.

 
 
 


Data: 02/11/2021 - Autor: Leonardo Sobral Navarro

Entre em Contato
(11) 3511-5888
(11) 96349-6469  
Rua Des. Eliseu Guilherme, 292 9º Andar
Paraíso - São Paulo - SP
CEP: 04004-030
Cadastre seu e-mail para recer notícias e novidades.